Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Mil e uma maneiras de ver as coisas

Mil e uma maneiras de ver as coisas

A arte do desapego?

Conseguiremos mesmo ser desapegados? Conseguiremos mesmo não dar 110% de nós às pessoas que nos rodeiam? Dizem que não devemos fazer mais pelos outros do que aquilo que eles fazem por nós. Que se dermos 110% nos vamos sempre desiludir porque nunca farão isso por nós. Mas importa mesmo o que fazem por nós? Nós damos 110% porque nos sentimos bem a dar 110%. Cada um expressa os sentimentos e reage da forma como sabe e de acordo com a sua personalidade.

Olhando à minha volta ninguém consegue ser desapegado totalmente. O ser humano é um ser social que precisa de outros seres humanos para se sentir bem. O ser humano precisa de contacto, precisa de se sentir parte de uma comunidade. 

Acho também que às vezes algumas pessoas podem parecer desapegadas, mas isso pode ser apenas um mecanismo de defesa. Timidez mesmo. Quando nos aprendemos a desenrascar e a ultrapassar alguma da timidez que temos. Quando gostamos de demonstrar o que sentimos e isso é natural para nós, por vezes esquecemo-nos de que a demonstração de sentimentos pode não ser assim tão fácil para algumas pessoas.

É complicado pensar que o que para nós é simples. O que para nós é pão, pão, queijo, queijo, para outras pessoas pode não ser assim tão fácil. Há que dar tempo e ver se essas pessoas conseguem expressar-se ou se por outro lado não é timidez e são mesmo só estranhas e arrogantes. 

 

 

5 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D