Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Mil e uma maneiras de ver as coisas

Mil e uma maneiras de ver as coisas

Ser introvertido

Alguns de nós têm uma incapacidade natural de dizer o que sentem. Por vezes temos as palavras na nossa garganta, estão ali, mas não somos capazes de as deixar sair. Isso faz com que fique muita coisa por dizer. Acho que por vezes queremos tanto uma coisa, que quase temos aquele feeling que não vamos conseguir. O que outras pessoas conseguem facilmente, para aqueles que são introvertidos pode ser muito difícil. Quantas não são as vezes que nos contemos naquilo que dizemos e depois fazemos aquela expressão em que fechamos os olhos e cerramos os lábios, como quem queria dizer mais mas se ficou pelo básico. 

As pessoas tendem a não entender aqueles de nós que são introvertidos. Acham que o normal, aquilo que cai no padrão de normalidade são aquelas pessoas que perguntam se as outras querem tomar café mesmo sem ter confiança nenhuma com elas; o que as pessoas acham normal são aquelas pessoas que se expressam, que dão abraços facilmente, que partilham detalhes íntimos ou supostamente íntimos da sua vida com toda a gente. 

Nem todas as pessoas têm capacidade de confiar facilmente, nem todas as pessoas gostam de falar abertamente, nem todas as pessoas gostam de perder o controlo e fazer figuras no meio da rua. 

Aqueles que são introvertidos têm dificuldade em expressar-se com pessoas que não conhecem, precisam que lhes seja transmitida segurança para que consigam ser eles próprios. Para os introvertidos, comportamentos irrefletidos e infantis, não fazem sentido. Não que eles critiquem esses comportamentos, cada um faz da sua vida o que bem entende e se aquela pessoa escolheu ter uma atitude irrefletida, a consequência irá surtir-se nela. Mas aqueles que são mais introvertidos não conseguem compreender como pode uma pessoa sabendo que aquele comportamento é errado, irrefletido e que vai ter consequências, mesmo assim consegue fazer aquilo.

O introvertido não age irrefletidamente, o introvertido pensa antes de agir. Quando age irrefletidamente pode ser porque já não aguenta pensar mais sobre um assunto ou porque alguém o irritou ao ponto de ter uma atitude irrefletida. 

Muitas pessoas criticam os introvertidos por não conseguirem ter um comportamento dito normal. Mas quem é introvertido não o é por escolha, é uma questão de personalidade. Para os introvertidos um jantar com amigos é mil vezes melhor do que uma ida a uma discoteca. Para um introvertido uma tarde passada a ver filmes em casa com a pessoa que gosta é melhor do que uma ida a um bar, beber um copo, rodeada de outras pessoas. 

Aqueles que são mais introvertidos sofrem com isso muitas vezes. Há oportunidades que perdem e questões que não resolvem pela seu medo da exposição e da rejeição e da vergonha.

O importante no fundo é: toda a gente é diferente e se passassemos metade do tempo que passamos a criticar, a tentar realmente perceber as pessoas e a, por vezes, ajudá-las a expressarem-se melhor, este mundo seria mil vezes mais fácil. 

 

 

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D