Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Mil e uma maneiras de ver as coisas

Mil e uma maneiras de ver as coisas

Lack of honesty

Ás vezes penso que gostava de viver no século XIX. Ou então numa época em que o contacto social era mais fácil. Honestamente custa muito ao ser humano desenvolver relações (todo o tipo de amizade, não unicamente do conteúdo romântico) normalmente!

Custa muito conhecer as pessoas e ter contacto pessoal, não só pelo ecrã do telemóvel ou do computador?

Ás vezes sinto que hoje em dia é mais fácil ver e ignorar do que realmente tentar desenvolver uma amizade ou relação normal a dizer o que se sente. Mesmo que doa e que se diga olha não tenho paciência para te ouvir falar e quero terminar esta nossa amizade ou relação ou seja lá o tipo de relacionamento interpessoal que as pessoas tenham. 

Enfim... 

Mila-Kunis-Shares-Her-Vulnerable-Emotions-In-Frien

 

 

Being huged

Bem, ser abraçado é bom. Mas será que é sempre bom?

Ora, eu digo que depende. Já aconteceu a todos nós a situação de sermos abraçados por alguém que nos é estranho ou com quem não temos muita confiança, certo?

Nessas alturas, não podemos negar o abraço porque isso seria indelicado, mas também não queriamos muito ser alvo daquele abraço. O que fazer? Terá de se aguentar o abraço e fazer um leve sorriso e "fugir" dali o mais depressa possível antes que a pessoa nos abrace novamente ou tente fazer algo mais. 

É aquela sensação estranha de que aquele ser que não conhecemos bem está a invadir o nosso espaço. Aquela bolha de segurança que criamos (que segundo os estudiosos de psicologia dizem ser de um metro para pessoas que não conhecemos muito bem) foi ultrapassada e nada podemos fazer para a aumentar novamente.

Assim, nada há mais a fazer do que tornarmo-nos no Sheldon e graciosamente fugirmos da pessoa, para que o abraço que nos invade o espaço não torne a acontecer e não se torne numa situação ainda mais embaraçosa.

Hug.png

 

Awkward

Todos nós conhecemos, pelo menos uma pessoa, que à primeira vista parece estranha. Um ser calado e quieto que observa com um olhar atento tudo o que o rodeia. 

A primeira reação que temos perante uma pessoa calada é não nos aproximarmos, muito porque temos medo do que poderá dali sair. As pessoas extrovertidas são mais fáceis de entender e cativam mais porque parecem ser mais acessíveis. Mas, muitas vezes enganam. Essa forma de ser extrovertida poderá ser um mecanismo de defesa que esconde traços de personalidade que podemos até vir a não gostar.

Por outro lado, as pessoas mais caladas, que por vezes achamos estranhas e awkward podem surpreender. Se tivermos paciência e aguardarmos algum tempo podem-se mostrar pessoas muito acessível e com muito carácter e integridade. E podem até, em alguns casos, ser extrememente engraçadas (ter aquele sentido de humor fora do comum ou fora da caixa).

Gosto de pensar que essas pessoas são estranhas no entanto normais, e porquê. Porque têm uma postura que à partida parece estranha, mas se procurarmos lá no fundo e gastarmos o tempo necessário e nos dedicarmos a conhecê-las são pessoas extraordinárias (e não tão estranhas como achariamos à partida).

im-awkward.jpg

 

 

 

Be there for one another

Ter amigos e criar empatia com as pessoas à nossa volta nem sempre é fácil. É fácil, por vezes ,sentirmos que damos mais aos outros do que aquilo que eles nos dão a nós. Às vezes é mais fácil guardar aquilo que sentimos do que partilhar. Ao guardar o que sentimos e os medos que temos estamos a tornar os problemas maiores e com mais significado do que eles, por vezes, têm.

Na realidade ao guardar um segredo estamos a tornar aquele problema ou aquela informação mais importante do que ela é realmente. Ao partilhar estamos a desmistificar. Estamos a desenrolar o problema, até que ele se torna pequenino. 

Claro que nem sempre partilhar é fácil e quando se partilha com as pessoas erradas corremos o risco de atrair opiniões indesejadas e más energias. 

No fundo é uma questão de analisar o que estamos a partilhar e com quem e confiar. 

03cc3855af6f5e75a1e92bc27597291a.jpg

 

 

Pág. 1/2

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D